Marketing Digital: luxo ou sobrevivência?

Muitos consideram o Marketing Digital como uma tecnologia, hoje acessível a grande maioria por meio da web, que controla de uma maneira mais efetiva o conhecimento aprofundado do seu público em questão, oferecendo-lhes benefícios e satisfação de necessidades de modo fácil, barato e imediato.

As tendências de marketing estão mudando com base em referências sobre a comunicação da Web 2.0, redes sociais, blogs, RSS, e demais meios que promovem novas interações dos internautas/ consumidores/ usuários.
Pesquisar mercados, divulgar produtos, serviços e marcas corporativas, otimizar o relacionamento, assim como aproximá-lo, faz parte de todo esse ambiente virtual que podemos definir como o objetivo principal do Marketing Digital.
Várias caracterísiticas podem lhe ser atribuídas de forma que o descreva como ele é visto, mas creio que uma das mais marcantes e importante seja estar onde o usuário estiver a todo momento, pois hoje, a internet está sendo criada pelo próprio usuário, ao mesmo tempo em que acontece, também chamada de web instantânea.
Acho que pelo fato do Marketing Digital ser uma extensão dos princípios conceituais do Marketing em si, é importante perceber o quão necessário é este serviço dentro de cada ramo e segmento de mercado, independente da marca, do produto ou da empresa em questão.

 

O Marketing Digital, hoje, torna-se cada vez mais necessário, deixando de ser apenas mais um setor na empresa, se referindo a ações de marketing baseadas na internet, aparelhos móveis e outros, estando diretamente relacionado a ser encontrado quando as pessoas buscam, derivando para o marketing de busca (SEO – search engine optimization), como foi citado no post anterior.
Cada marca tem valor um inestimável, e é preciso que os gestores das empresas e companhias estejam voltados para elas com todo talento e conhecimento que surge diariamente, para que possam aplicar o Marketing Digital de maneira útil e digna do seu conceito. Isso pois, fazer o Marketing de um produto já deixou de ser “luxo” a muito tempo, e tornou-se uma questão de sobrevivência.

>

Confira abaixo o vídeo das Estratégias de Marketing Online, da Chleba Agência Digital:

Fontes:

http://www.publiweb.com.br
http://www.sobremarketing.com.br/
http://www.chleba.net/

0 Responses to “Marketing Digital: luxo ou sobrevivência?”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: